sexta-feira, 17 de setembro de 2010

Tá com tosse? Coma chocolate!



Nas últimas semanas fui acometida por uma tosse que não tem cristo que dê jeito. Xarope, antialérgico, nada parece fazer efeito. A última tentativa foi um medicamento à base de codeína, receitado por um médico, o que diminuiu um pouco, mas ainda não curou totalmente a bendita. Pesquisando um jeito de dar uma forcinha pro tratamento, encontrei esse artigo e lógico que tinha que vir aqui dividir com vocês! ;)

Vamos nessa então!

“Quem imaginaria que o melhor remédio para acabar com uma tosse crônica seria também o mais delicioso? Os remédios usuais para a tosse, famosos pelo seu gostinho não tão agradável, está encarando um duro rival.

Se trata de uma substância encontrada no chocolate chamada teobromina. Um estudo recente mostrou que a concentração dessa substância encontrada no chocolate amargo pode de fato ser o meio mais seguro e efetivo de suprimir a tosse.

No estudo, realizado pelo Instituto Nacional do Coração e Pulmões em Londres, a teobromina superou significativamente os efeitos da codeína, o ingrediente ativo primário dos remédios para a tosse. Os participantes do estudo foram tratados em momentos diferentes com placebo, codeína e teobromina antes de serem expostos a capsaicina via gás inalado. Capsaicina, um derivado da pimenta, vem há muito tempo sendo usado para induzir tosse em pesquisas clinicas
.
Como remédio para a tosse, a codeína (também usada como remédio para dor) teve sucesso significativo quando comparado ao placebo, mas a teobromina se mostrou 33% mais efetiva que a codeína para cessar a tosse. Ela age diretamente sobre o nervo vago (ou pneumogástrico), que é o responsável por desencadear a tosse.
Além de mais eficaz, a teobromina é mais segura do que os remédios facilmente encontrados nas farmácias e os remédios prescritos. Medicamentos para a tosse raramente são nocivos, mas tem alguns efeitos colaterais, como sonolência, constipação e boca seca. É recomendado que não se opere máquinas pesadas após consumi-los. Mas é perfeitamente seguro fazer isso após comer chocolate. A teobromina não está conectada com nenhum efeito colateral (no entanto devemos levar em consideração que os estudos com a substância são recentes).

O chocolate também é um bom substituto para o xarope para as crianças, já que muitos pais preferem evitar o excesso de medicamentos sempre que possível. A tosse é uma resposta benéfica do sistema imune, e é mais uma irritação do que um risco para a saúde. Por terem menos controle corporal sobre a tosse, é mais comum que elas se tornem crônicas em crianças. Sem contar que deve ser um grande alivio não ter que correr atrás dos pequenos para fazê-los tomar remédio.

A quantidade de chocolate que deve ser consumida para acabar com a tosse é de cerca de 60 g para adultos e metade para crianças – quantidade suficiente e pobre em cafeína, para não ter efeitos desagradáveis como agitação e dificuldades para dormir.

Os níveis de teobromina estão diretamente ligados a quantidade de cacau do chocolate. Chocolate ao leite contém pouco da substância, enquanto chocolate amargo tem cerca de 800 ou 900 g de teobromina na porção de 60g. Portanto, para dar jeito na tosse crônica ou em um acesso de tosse, prefira o chocolate que tiver o maior percentual de cacau em sua composição. Quanto mais cacau tiver o chocolate, menos você precisará comer para acabar com a tosse.

Ainda que os antitussígenos não sejam perigosos em geral, medicamentos para resfriado ou para tosse tem um efeito negativo considerável: eles podem acabar com os sintomas, mas ao mesmo tempo existem evidencias consideráveis de que ao mesmo tempo interferem no sistema imunológico. Resfriados não tratados normalmente duram entre quatro e sete dias, enquanto os tratados com medicamentos podem durar entre 10 e 14 dias. A teobromina não indica ter nenhum desses efeitos negativos sobre o sistema imunológico.

Tudo isso dito, é sempre importante lembrar que uma tosse crônica também pode ser sintoma de alguma doença mais grave. Ainda que comer chocolate traga algum alivio, não é um substituto para medicamentos receitados por um médico. Tosse que persiste por mais de uma semana pede uma visita ao seu médico, pois pode indicar pneumonia, bronquite, asma, câncer de pulmão, tuberculose, problemas no coração e vários outros problemas.

Então na próxima vez que você estiver tossindo, seja por um resfriado ou por tosse crônica, experimente o chocolate. Temos bons motivos para acreditar que seja o remédio que não precisa de receita médica; é delicioso e a teobromina dá conta de acabar com a indesejável tosse. É bastante provável que ela passe a ser um ingrediente base de novos medicamentos no futuro, já que nenhuma companhia farmacêutica vai deixar passar uma descoberta desse tipo. Então enquanto isso, aproveite mais esse ótimo motivo para incluir o maravilhoso chocolate no seu cardápio!”

Fonte: AssociatedContent

5 comentários:

Deiiiah disse...

Adorei o post, eu que sempre sofro com essas tosses alérgicas e tomo remédios em últimos casos, vi minha salvação aqui!hahaha Beijos

Jordana disse...

Pois é Deiiiah, parece difícil de acreditar, né? Mas funciona sim! hehe =)

Adriana disse...

Mas tem que ser o chocolate amargo não é?! ou qualquer tipo?

Abraço e ótima semana

Stella disse...

Adriana, pode ser o chocolate ao leite também, mas o meio amargo tem maior concentração de teobromina! Ou seja, pra ter um bom efeito com o ao leite você tem que comer mais.. um problemão, né? hehe

Anônimo disse...

Isso parece uma contradição. Dizem que chocolate e laticínios aumentam o catarro.

Postar um comentário